fbpx

Fios de Sustentação Absorvíveis

Dentro do tema Fios de Sustentação nós temos aqueles que são absorvíveis e também os não absorvíveis. Na publicação de hoje vamos falar sobre os Fios de Sustentação Absorvíveis.

Estes são chamados de absorvíveis pois serão hidrolisados pelo organismo gradativamente após aplicação.

Para começar vale a pena lembrar o que são Fios de Sustentação:

São fios especiais utilizados na Harmonização Orofacial para procedimentos de dermo sustentação, ou seja, efeito lifting mecânico no rosto e/ou pescoço.

O objetivo do tratamento com Fios de Sustentação é o rejuvenescimento imediato sem a necessidade de cirurgia invasiva.

Os Fios de Sustentação Absorvíveis são verdadeiros “organizadores de colágeno”.

Afirmo isso porque após a aplicação subcutânea do fio, o organismo inicia o processo cicatricial para regeneração da intervenção feita. Este processo leva à produção de fibroblastos, indução de colágeno, elastina entre outras substâncias essenciais para a pele.

Além disso, as matérias primas das quais são feitos e que também os tornam capazes de serem absorvidos pelo organismo, tem papel importante.

Tipos de Fios de Sustentação Absorvíveis

Neste tópico vamos aprender um pouco sobre os Fios Silhouette e Miracu.

1 – Fios de Sustentação Silhouette:

Os Fios Silhouette são feitos à partir da dextrose, a base de ácido polilático. Substância que vai trabalhar na estimulação de colágeno no organismo.

Ao longo da estrutura do fio há microcones de sustentação que vão aderir e fixar no subcutâneo, mantendo-se no lugar após aplicação.

O resultado imediato é de efeito lifting natural, que respeita os contornos originais do rosto, bem como a diminuição dos aspectos da flacidez de forma visível, por conta da remodelação da derme.

Os efeitos antienvelhecimento serão vistos a longo prazo, em até 18 meses. Tempo que o organismo leva para absorver os fios por completo.

Porém os benefícios do resultado alcançado podem durar por até dois anos.

Entre os benefícios podemos destacar a melhora acentuada da qualidade da pele, do viço, da elasticidade, firmeza e textura renovas, além da aparência mais jovem.

Os Fios Silhouette são indicados para casos onde o paciente apresenta sinais iniciais de flacidez e rugas finas, que exigem menor estímulo de colágeno.

Eu particularmente gosto de associar os Fios Silhouette aos Fios de PDO, pois considero essa técnica interessante e os resultados também.

Assista ao vídeo onde eu falo sobre Fios Silhouette clicando AQUI.

2 – Fios de Sustentação Miracu:

Os Fios Miracu também são conhecidos como Fios de PDO.

Afinal são produzidos à partir da Polidioxanona, um polímero sintético biodegradável e absorvível pelo organismo humano.

Podem ser compostos por monofilamentos (um filamento) ou polifilamentos (dois filamentos torcidos).

As características, poder de ação, tempo de absorção e duração dos Fios Miracu, podem ser vistas no vídeo a seguir.

Vou deixá-lo para você pois tem bastante conteúdo que por escrito não caberia todo aqui.

Fios de Sustentação Miracu PDO

Quais regiões da face os Fios de Sustentação Absorvíveis beneficiam?

Já sabemos que a aplicação de Fios de Sustentação Absorvíveis é uma opção alternativa à cirurgia plástica.

Da mesma forma entendemos que eles estimulam a produção de colágeno entre outros elementos essenciais à saúde da pele.

Então agora basta entender que as regiões onde podem ser aplicados, abrangem quase todo o rosto.

São elas as porções superior, média e inferior da face incluindo também a região do pescoço.

Os Fios de Sustentação Absorvíveis beneficiam as seguintes regiões:

  • Flacidez do pescoço.
  • Diminuição de papada.
  • Sustentação das Bochechas.
  • Rugas Periorais e Periorbitárias.
  • Redefinição da linha da mandíbula.
  • Sulco Nasogeniano (Bigode Chinês).
  • Redefinição dos contornos do rosto.
  • Levantamento do arco das sobrancelhas.

A aplicação conjugada de fios de diferentes tamanhos, força de tração, textura e composição são muito válidas, pois um pode potencializar a ação do outro.

O uso correto dos fios ao longo do tempo e associado a outras técnicas de Harmonização Orofacial, assim como aos Bioestimuladores, por exemplo, podem produzir resultados ainda melhores.

Os benefícios são colhidos a longo prazo porém os fios não tem o poder de parar o processo de envelhecimento.

Por isso é preciso reposicioná-los, de tempos em tempos, dando continuidade ao tratamento e respeitando os intervalos entre uma aplicação e outra, que variam caso a caso e também de acordo com o tipo de fio.

Considerações Finais

Para não dizer que só falei de flores, vou deixar ressaltados alguns pontos importantes sobre a aplicação de Fios de Sustentação.

A forma correta de inserção dos fios tem pontos bem definidos e que respeitam a topografia facial.

Caso o profissional erre e introduza o fio superficialmente, por exemplo, o deixará visível através da pele, além de causar dor ao toque na face do paciente.

Além disso, não haverá produção de colágeno e nenhum outro elemento, pois o organismo não reconhecerá que precisa agir em tratamento, mas sim em expulsar aquele estranho dali.

Da mesmo forma se o profissional introduzir o fio mais profundamente, pode lesionar veias, nervos, artérias, músculos ou outras estruturas.

E o resultado serão complicações, Intercorrências que podem ser evitadas com prevenção e preparo adequado, em respeito além do domínio das técnicas, mas principalmente da anatomia facial.

Gostou dessa publicação? O assunto ajudou você de alguma forma? Então curta, deixe seu comentário e compartilhe com os amigos.

Ajude o Blog Diogo Melo a chegar ainda mais longe em benefício de profissionais como você, interessados em crescer na área da Harmonização Orofacial.

Até a próxima,
Doutor Diogo Melo.

Deixe seu comentário

Cadastre e junte-se aos mais 14,076 Profissionais da Saúde que estão melhorando seus Resultados Clínicos!