fbpx

Qual é a aparência do Fio de PDO?

Hoje vou responder a seguinte pergunta que recebi durante uma aula ao vivo de terça no Youtube:

Doutor Diogo, qual é a aparência do Fio de PDO?

Pode parecer uma pergunta boba para alguns mas, muitos não sabem como um Fio de PDO se parece e vale a pena falar sobre isso.

Afinal, o Blog Diogo Melo foi criado para compartilhar conteúdo sobre a HOF e suas especialidades, em todos os níveis. Desde os assuntos mais complexos até os mais simples.

Sobre a aparência do Fio de PDO

Antes de prosseguirmos, gostaria de te contar uma curiosidade sobre os fios de polidioxanona (PDO).

Você sabia que os fios de PDO foram usados primeiramente na medicina oriental, como uma solução para prolongar os estímulos da agulha de acupuntura?

Sim, com um pedacinho milimétrico deste tipo de fio na ponta da agulha, observou-se que o estímulo dérmico era ainda mais eficiente.

O que conferia melhores resultados aos pacientes que recorriam à acupuntura como terapia.

À partir daí começa a associação de um fio antes usado só como sutura, para ser adaptado a uma agulha hipodérmica.

O Fio de Polidioxanona (PDO) tem coloração azulada ou lilás.

Existem dois tipos de fios: O liso e o espiculado. O fio liso é a versão mais simples e quanto mais fino for, mais liso ele será.

O fio espiculado leva este nome pois apresenta pequenas garras (espiculas) que aderem ao tecido.

As espiculas ajudam o fio a se estabilizar na derme e o mantém fixo na região aplicada.

E dessa forma ele pode iniciar o processo de proliferação celular ao seu redor, a adesão, migração e colonização por hidrólise.

Quais são as medidas do Fio de PDO?

Os fios de sustentação em geral tem diferentes calibres, tamanhos e especificações que variam de acordo com a sua finalidade.

O tamanho da agulha em que o fio é disposto também tem variações, que vão desde o 25 mm (2,5 cm) até o 120 mm (12 cm).

Outras duas características físicas que devem ser observadas são:

O Thread (tamanho do fio) e o USP Thread (correlação com o PDO de sutura).

Conforme dito acima, ambos correspondem respectivamente ao tamanho do fio e à sua correlação com o PDO de sutura.

O Thread de um fio do PDO pode variar entre 30 mm (3 cm) até 200 mm (20 cm).

Já o USP Thread de correlação do fio com o seu equivalente de sutura varia do 5-0 ao 7-0.

Sendo o 5-0 um fio calibroso e espesso para procedimentos mais pesados. Enquanto o 7-0 é um fio extremamente fino e delicado para procedimentos muito sutis.

Por fim, é necessário entender a secção transversal do fio, ou seja, quando cortado ao meio qual é a correspondência (diâmetro) da sua metade.

As secções vão variar desde o diâmetro de 0.005 (finíssimo como um fio de cabelo) até 0.10 (mais espesso).

É preciso observar que o calibre do fio tem variações de tamanho da agulha, indicados para procedimentos diferentes. E isso tudo pode ser visto no módulo introdutório do Curso Online de Fios de Sustentação PDO.

É muito importante conhecer as especificações técnicas dos fios, pois na hora da compra elas serão cruciais para escolha do que você precisa de fato no consultório.

Afinal, não adianta sair comprando fios sem adaptar ao que você mais usa, ou ao que o seu cliente realmente precisa.

É preciso escolher o fio certo para cada caso e investir de forma inteligente!

Um grande abraço e até a próxima publicação.

Doutor Diogo Melo.

Deixe seu comentário

Cadastre e junte-se aos mais 14,076 Profissionais da Saúde que estão melhorando seus Resultados Clínicos!